01
Jan 07

Não confundas o amor com o delírio da posse, que acarreta os piores sofrimentos.

Porque, contrariamente à opinião comum, o amor não faz sofrer.

O instinto de propriedade, que é o contrário do amor, esse é que faz sofrer.

(...)

Eu sei assim reconhecer aquele que ama verdadeiramente: é que ele não pode ser prejudicado. O amor verdadeiro começa lá onde não se espera mais nada em troca.

(Antoine de Saint-Exupéry, in 'Cidadela')

publicado por SoniaGuerreiro às 23:58

comentário:
não vinha ver o teu blog ´desde o ano passado...e tinha muito para ler...
bom ano mana...para ti e para a tua linda menina e para o teu marido
isa a 2 de Janeiro de 2007 às 12:31

Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
17
18
19
20

21
22
24
25
26

28
30
31


Email
ainosccguerreiro@sapo.pt
mais sobre mim
Visitas
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO