06
Nov 07
Parece ser uma aliada mas, nas suas costas, é mais traiçoeira que o primeiro amor do seu marido. Sorrisos para ali e ordens para acolá, esta pode ser a sua Sogra de Estimação.

As sogras são um verdadeiro problema para muitos casais, mas existem outras que conseguem viver em plena harmonia com filho e a respectiva companheira. Ainda que se assista a esta escassa realidade, o papel da sogra nos dias de hoje é de uma pessoa intrometida e que muito dificilmente aceita a total independência do filho. Motivo: puro ciúme!

Nos dias que correm ouve-se, em diversas situações, homens/mulheres a falarem das suas sogras. Normalmente, a opinião é unânime - só causam problemas ao casal. Esta ideia de que a sogra é uma chata, intrometida, que exige as coisas feitas à sua maneira num espaço que não lhe pertence, está relacionada com a questão da independência. O filho já homem casa-se e segue o seu destino, mas para as mães estes precisam sempre delas e jamais conseguirão sobreviver sem as suas opiniões ou longe do amor materno.

Por isso, e movidas pelo ciúme, há sogras que passam a maior parte do tempo em casa dos seus filhos, arrumando-lhes a casa à sua maneira e tomando conta do lar, segundo os seus gostos e desejos, sem tão pouco se importarem com a privacidade do casal. No fundo, acabam por sentir ciúme das suas noras, pois agora quem lhes engoma a roupa são elas, quem lhes serve a refeição são elas, e é a elas que dedicam todo o seu tempo quando chegam do trabalho. Este ciúme é compreensível, desde que não ultrapasse os padrões da normalidade e do entendimento.

Uma sogra normal e, dedicada moderadamente ao seu filho, jamais critica a sua nora em frente a ele ou a coloca contra este. A sogra deve ter a noção que aquela é a futura mãe dos seus netos e que, por isso, pode esboçar as suas opiniões, mas nunca exigir que o casal as siga só porque ela assim o entende. A vida do casal é um mundo alheio ao da sogra, e esta nunca se deve intrometer nos problemas deles ou tomar partidos desnecessários.

Outro problema muito comum, é o facto de as sogras apreciarem bastante dar conselhos, quase em tom de ordem, na conduta correcta para a educação dos seus netos. É preciso que se apercebam que podem dar conselhos, mas nunca interferir na educação dos mesmos. Como as sogras já tiveram o seu tempo de educadoras, chegou agora a vez dos seus filhos também o fazerem. Perceber o significado da palavra independência é uma regra fulcral e que, infelizmente, nem todas as sogras compreendem o sinónimo.

Todavia, existem sogras que são quase como que uma mãe para as suas noras. Ambas dão-se bem e há mesmo um laço de cumplicidade e de carinho muito próximo. Esta relação só é possivel acontecer, caso a sogra e a nora tenham feitios semelhantes e equilibrados. Convém não esquecer que os atritos com a sogra, partem também muitas das vezes dos feitios das noras. Deve saber criar-se uma relação longe de conflitos e baseada na cumplicidade, mas só se ambas fizerem por isso.

Se a sua sogra é uma daquelas que gosta de interferir em tudo, tente falar com ela e explicar-lhe a situação ou então peça ao seu companheiro para o fazer. Se é dos tais casos em que a sogra é uma das suas melhores amigas, conserve sempre essa relação. Em qualquer dos casos lute por um melhor relacionamento, pois quer queira, quer não, essa é a sua Sogra de Estimação!


 

_______________==______________

Eu, felizmente, não me posso queixar da minha, é muito minha amiga! Ainda bem!!!

publicado por SoniaGuerreiro às 16:27
tags:

Menina com quatro braços e pernas operada na Índia
Uma equipa de médicos indianos vai realizar uma cirurgia a fim de dar uma vida normal a uma menina que nasceu com quatro braços e quatro pernas.

A criança chama-se Lakshmi Tatma e, aos dois anos, estava ainda ligada pela pélvis a uma gémea siamesa que não se conseguira desenvolver por completo.

«Estamos preparados para 40 horas de cirurgia», disse a chefe da equipa e ortopedista, Sgaran Patil, em declarações à BBC.

A equipa é composta por mais de 30 cirurgiões e, em turnos, tentarão separar a coluna vertebral e os rins de Lakshmi dos da sua irmã.

Os procedimentos seguintes serão o fecho da cavidade pélvica da criança, reposicionamento da bexiga e dos órgãos genitais e colocação de enxertos de pele nos locais afectados.

A chefe da equipa adianta que, se a operação for bem sucedida, Lakshmi Tatma poderá viver para além da adolescência, algo quase impossível no panorama actual.

Alguns habitantes da terra natal da criança, no Estado de Bihar, acreditam que Lakshmi é a reencarnação da deusa indiana da riqueza, que tem múltiplos braços e pernas.

In Sol

___________________==___________________


 

Este mundo está realmente de pernas para o ar!! Que corra tudo bem a esta menina!

publicado por SoniaGuerreiro às 11:27
tags:

Novembro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
16
17

18
22
24

25
26
29
30


subscrever feeds
Email
ainosccguerreiro@sapo.pt
mais sobre mim
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO