27
Jan 07

Está muito magrinho!
Gordura não é formosura e, ser magricelas, também não!

As crianças podem apresentar-se nesta idade muito magras. A verdade é que estão numa fase de crescimento rápido e parece que tudo o que comem desaparece sem lhes fazer qualquer proveito.

No entanto, não é verdade, se o seu crescimento é harmonioso se estão saudáveis, correm e brincam alegremente, provavelmente em breve, depois deste “pulo” no crescimento, ficarão mais fortes.

Preocupações de mãe

Todas as mães, ou quase todas, se o seu filho é magrito, desesperam. Especialmente se a criança anda no jardim-infantil e é lá que toma as suas refeições, pensam que a alimentação não é a melhor para a criança, ou que a deixam apenas comer quando quer e o que quer.

Se o seu caso é este: O seu filho está magro e embora seja uma criança saudável, você sabe que ele é um “pisco” a comer e que se não o lembrar das horas das refeições, nunca lhe pede nada para comer, tente melhorar as suas refeições em casa e peça que estejam atentos na escola com o que come.

Pequeno-almoço

Não deixe o seu filho sair de casa sem tomar o pequeno-almoço. Dê-lhe sempre leite. Com cereais, com chocolate ou até mesmo com chá. Os cereais (farinhas flocos ou pão) são uma refeição saudável e nutritiva.

E, se o seu filho se farta depressa de um cereal, com a variedade que hoje existe no mercado, é fácil alternar. Se sair de casa com um razoável pequeno-almoço, as suas preocupações diminuem com certeza.

Merendas

Geralmente as crianças na hora do recreio da manhã, gostam de comer um pequeno lanche. Se o seu filho é preguiçoso para comer, prepare-lhe apenas, um sumo natural, um iogurte bebível, ou até um pequeno snack de chocolate, especial para crianças.

Para a tarde, um pacote de leite ou sumo e um pãozinho de leite com queijo ou fiambre. Quando regressarem a casa, verifique sempre o que ele comeu.

Almoço no refeitório

Embora a maioria das crianças coma no refeitório, a verdade é que a comida da escola mão se compara à que comem em casa. No entanto, a alimentação é em geral apropriada à sua idade e às suas preferências. A massa é dos principais acompanhamentos, bem como a juliana de legumes.

O peixe é dos pratos menos servidos, tanto mais que é também um dos mais detestados pela maioria das crianças. A sopa faz parte integrante de todas as refeições. A sobremesa geralmente varia entre uma peça de fruta e um doce. Todavia a nível calórico e vitamínico, os refeitórios servem refeições de acordo com as necessidades básicas dos alunos.

Os comilões e os piscos

Na hora do almoço as crianças podem ter comportamentos muito diversos. Se os “piscos” esperam uma boa oportunidade para deixarem a comida esquecida no prato, para os mais comilões é a grande oportunidade de comerem mais do que devem.

Assim, podem estabelecer-se os primeiros acordos comerciais. Eu como o teu bife e a tua sobremesa e não conto a ninguém. Os comilões podem assim comer duas ou três sobremesas e... como não há uma vigilante para cada criança, pode ser que o seu filho, tenha a fama de comer tudo, apenas por que o seu parceiro do lado é um “comilão”.

Jantar em casa

Para uma boa alimentação, não interessa que o seu filho coma demasiado, o importante é que se alimente convenientemente. Umas colheres de uma sopa nutritiva, carne ou peixe com legumes e fruta. Antes de dormir um copo de leite morno.

Na dúvida...

E, se você pensa que o seu filho está mesmo demasiado magro, nada como consultar o pediatra e pedir-lhe a sua opinião. Provavelmente ele irá dizer-lhe que o seu filho está bem e se assim não for, recomendar-lhe-á um suplemento vitamínico ou qualquer medicamento para ter mais apetite caso ache necessário

publicado por SoniaGuerreiro às 14:09
tags:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.


Janeiro 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
17
18
19
20

21
22
24
25
26

28
30
31


subscrever feeds
Email
ainosccguerreiro@sapo.pt
mais sobre mim
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

blogs SAPO